Blog

Por que escolher bancos rústicos

Data:



Por que escolher bancos rústicos

Peças e moveis feitos no estilo rústico estão cada vez mais comuns em nosso cotidiano. Não somente são belas peças, os bancos rústicos dão um ar requintado a qualquer ambiente, servindo como um grande complemento para seus ambientes mais bonitos, além de ser bem prático por ser feito de um material mais resistente, mas que ainda exige um certo nível de cuidados.

Para os amantes de móveis de extrema qualidade, hoje vamos falar um pouco sobre os bancos rústicos, suas características que permitem o encaixe definitivo em praticamente qualquer tipo de ambiente, e a capacidade de um belo visual onde podemos aproveitar ao máximo desse estilo com a arquitetura rústica. Também informaremos tudo que você precisa saber sobre esse tipo de decoração.

As tendências da Arquitetura rústica

As decorações com tendências rústicas, como bancos rústicos, armários envelhecidos e tons mais antiquados e naturais voltou a ser uma tendência que busca os tons e estilos mais peculiares para se por dentro de casa, estabelecendo conceitos e preceitos interessantes, e tentando criar um refúgio da tradicional selva de pedras das grandes cidades.

Muito presente no mundo do design, o estilo rústico busca trazer comodidade, casualidade e um ar de natureza para dentro dos mais diversos ambientes, focando em uma ambientação com pedras, flores e principalmente madeira, na busca de estabelecer um habitat com um clima e visual muito mais natural do que casas que implementam os padrões de cores e decorações.

O estilo rústico busca evidenciar o antigo, o rural e o passado de forma a deixar essas marcas profundas e gastas em seus móveis, seus bancos, suas paredes e suas cores. A imperfeição é bela, pois a natureza é imperfeita, e, com o estilo rústico, temos isso valorizado por nós.

A arquitetura rústica é recheada de materiais e objetos de origem pura. Aqueles objetos que você bate o olho e consegue facilmente imaginar no meio de uma caverna, uma floresta, próximo a um rio e tudo mais. Conforta visualmente muitas pessoas, e é sempre composto de madeira, pedras, tecidos e para complementar essa arquitetura, temos uma iluminação mais brande e confortável.

Cada vez mais vemos pessoas investindo pessoas investindo em decorações rústicas, muitas vezes com simples detalhes para salas e quartos, como bancos rústicos, armários com tons de madeira, decorações que misturam madeira e pedra, e tons mais naturais com iluminação mais escura, criando ambientes confortáveis, leves e bonitos.

Porém, esse tipo de decoração, especialmente a que utilizamos, como mesas e bancos rústicos necessitam de cuidados especiais para manter o funcionamento e a qualidade do móvel, sem que haja danos e perdas com o tempo de uso que acabem exigindo a necessidade de troca desses objetos.

Como cuidar e tratar de bancos rústicos

Para qualquer amante de peças e móveis rústicos, é importante entender como se cuidar desses objetos para que no cotidiano você não acabe acidentalmente danificando de forma temporária ou permanente esse tipo de móvel. O foco de hoje é especialmente no cuidado de bancos rústicos, uma peça que exige bastante atenção por simplesmente ter uma alta taxa de uso, e necessitar assim, de maiores cuidados.

Entenda então como você poderá limpar e cuidar com facilidade de seu banco rústico, e quais cuidados você deverá tomar em especial com qualquer tipo de móvel rústico que você traga para a sua casa, já se preparando para ampliar a sua decoração com belas peças rústicas que podem trazer um ar completamente diferente aos mais diversos ambientes que você convive.

Como limpar móveis rústicos

Alguns cuidados simples e a manutenção adequada vão garantir que seus móveis, como os bancos rústicos durem bastante sem a necessidade de troca, e mantenham sua beleza e qualidade natural com o passar de vários anos. Basta entender quais são os cuidados mínimos que se deve ter com esse tipo de móvel.

A conserva dos seus bancos rústicos irá começar pela limpeza dessa peça única. Como ela costuma ser feita de madeira, muitas vezes até de madeira de demolição, a limpeza deverá ser feita de forma periódica para garantir que a poeira não grude ou danifique esses móveis, e não tire também sua beleza natural, mas a limpeza não será feita como a limpeza de móveis tradicionais de sua casa.

Pelo contrário, você terá que tomar cuidado para limpar todos os seus móveis e objetos rústicos sem nenhum produto químico. Normalmente se limpa móveis apenas com um pano macio e seco quando eles são rústicos ou feitos com madeira de demolição, pois esses materiais são extremamente frágeis a praticamente todo tipo de produto químico.

Caso não sejam limpos com esse cuidado, e até mesmo sejam limpos com água e deixados úmidos, o móvel poderá facilmente sofrer uma deformação, perder o brilho ou cor, quando não ficar frágil e inutilizável por diversos problemas da madeira.

Madeira, quando molhada ou até mesmo úmida é um local muito propenso a proliferação de micro-organismos e até mesmo de fungos, que podem corroer a madeira por dentro e por fora, e sem que você perceba, acabar com a qualidade de seus móveis rústicos.

É importante então não deixar seus bancos rústicos em locais que ele molhe ou fique úmido facilmente, e se for necessário limpar ele usando água, sempre ter certeza de secar ele até o fim, para garantir que não haja problemas no futuro com fungos, micro-organismos, madeira apodrecendo e afim.

Como restaurar o brilho dos meus móveis rústicos

É natural que a madeira, com o passar dos anos, comece a perder o seu brilho forte e comece a ficar com uma tonalidade mais apagada e opaca com o passar do tempo. Porém, se você comprou um móvel rústico foi pelo seu aspecto de beleza, e certamente não quer que essa beleza se esvaia conforme os anos se passe.

Para garantir que seu móvel fique sempre belo, aplicar com um pano seco uma camada de cera especial a cada trinta dias irá ajudar a proteger a sua madeira e manter o brilho de seus móveis rústicos por muito mais tempo, desde que ele não seja exposto a condições climáticas.




DEIXE SEU COMENTÁRIO: